RSS Feed

terça-feira, 14 de julho de 2009

Você foi, a mentira mais sincera, a brincadeira mais séria, você apenas foi, e se foi.


RIMAS

(andré luís gabriel)

aqui fora

o tempo não pára

rara é a hora

que meu coração

não chora

mas me escondo

nos escombros do que sou

porque se não

tenho amor

o que seria a dor?

6 comentários:

Amèlie Poulin disse...

Amor e dor...lado a lado...não tem jeito!!
:/

Gostei do seu blog!

Bjin!!

Amèlie Poulin disse...

Amor e dor...lado a lado...não tem jeito!!
:/

Gostei do seu blog!

Bjin!!

Livre Pub disse...

A lingua portuguesa foi muita sábia na hora de amor e dor rimarem, facilita a escrita.

(parece que todo mundo reparou na rima, vide comentário a cima)

Abner Moreira disse...

Muuuuito bom seu texto. Mas, até hoje, só sei o que é dor. Felizmente.

A Ilha foi reaberta:
http://abnisland.blogspot.com/

Fernanda disse...

E o que seria do amor sem um pouco de dor?
Essa flor linda e perfumada, repleta de espinhos.

Beijos

Maria disse...

Moça, meu blog teve um problema e a atualização não está aparecendo nos outros blogs. Qnd vc tiver um tempinho, muda a url do blog, ta? Agradeço.

Beijo meu

Postar um comentário